CONCURSO LER BEM DE INCENTIVO À LEITURA: ESTUDANTE DE ARCOVERDE ESTÁ NA FINAL DA COMPETIÇÃO


Maria Eduarda ao centro (foto Blog do Didi)
 
A notícia é do início do mês, mas merece muito ser propagada aos quatro cantos. Em etapa semifinal de concurso de incentivo à leitura, a estudante Maria Eduarda da Silva da Escola Municipal Alfabeto, de Arcoverde, foi uma das classificadas e segue para a próxima fase da disputa que acontecerá no próximo dia 4 de outubro.

Em 2017, o estudante do 4° ano da Escola Municipal João Alexandre, também de Arcoverde, Yuri André de Espíndola sagrou-se vice-campeão.

Na última etapa da competição, os 15 finalistas lerão trechos da obra infantil Gente de Estimação (Ed Moderna), do escritor paulista Pedro Bandeira. Os estudantes que chegam à final do certame já são contemplados com um notebook e os três primeiros colocados receberão como premiação um final semana no Enotel em Porto de Galinhas, no mês de novembro, onde estará acontecendo o Encontro da Associação Pernambucana de Atacadistas e Distribuidores - ASPA, entidade que promove a competição denominada Ler Bem.

O objetivo do projeto, denominado Ler Bem, é desenvolver atividades que promovam a formação de jovens leitores, integrando escolas públicas municipais, educadores e pais de alunos. O concurso é aberto a todos os alunos do 4º ano do ensino fundamental I, com idade máxima até 10 anos, regularmente matriculados em  escolas públicas municipais.

Em 2018, o projeto sócio-educacional encontra-se na oitava edição e vem contando com a participação de estudantes de 118 municípios pernambucanos, o que envolve mais de 120 mil crianças.

Esta iniciativa da ASPA tem tido um crescimento vertiginoso desde que foi criada, como se pode observar do gráfico abaixo e certamente renderá excelentes frutos ao ampliar as possibilidades para que os estudantes se desenvolvam na prática da leitura, formando cidadãos preparados para interpretar o mundo.

fonte: ASPA


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.