sábado, 10 de agosto de 2013

CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE CULTURA DE ARCOVERDE ELEGE TRÊS DELEGADOS


Mesa da II Conferência de Cultura de Arcoverde


Aconteceu hoje (10/08) no auditório da Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde - AESA a II CONFERÊNCIA DE CULTURA DE ARCOVERDE. A abertura dos trabalhos foi feita pela Prefeita, Madalena Britto, que enfatizou a importância da criação do Sistema Municipal de Cultura, além de mencionar os ganhos para a área cultural nos sete meses de sua gestão. Compuseram ainda a mesa o Vice-Prefeito, Wellington Araújo, o Secretário de Educação, Cultura e Esportes, Kerley Lafayette, o Diretor de Cultura, Gustavo Azevedo, a representante da Secretaria Estadual de Cultura, Teça Carlos, e as Vereadores Luiza Margarida e Cleriane Medeiros.

Na sua explanação, Teça Carlos, chamou a atenção dos presentes para a responsabilidade na apresentação das propostas, uma vez que elas nortearão a política cultural nos próximos quatro anos.

Nos trabalhos de grupo foram explorados os eixos: a) Implementação do Sistema Municipal de Cultura; b) Produção Simbólica e Diversidade Cultural; c) Cidadania e Direitos Culturais e d) Cultura e Desenvolvimento.

Todas as propostas retiradas dos grupos de trabalho foram aprovadas na plenária final, algumas merecendo ajuste de redação. As proposições versaram sobre os mais variados aspectos da cultura, cabendo destacar: criação imediata do Sistema Municipal de Cultura, construção e requalificação de equipamentos culturais, valorização dos artistas locais, preservação do patrimônio, etc.

Uma questão que foi abordada em todos os grupos diz respeito à necessidade urgente de que o Poder Público promova um mapeamento de toda a cadeia cultural existente no Município, de forma que tenhamos dados para traçar políticas para a área, além de subsidiar o cadastro para eleição dos Conselheiros de Cultura, quando criado o Conselho Municipal de Cultura.

Um ponto negativo da Conferência foi a participação da sociedade civil bem abaixo do esperado. Compareceram apenas 61 pessoas, número que não reflete a quantidade de artistas, nem a diversidade da cultura arcoverdense. Em razão da baixa participação, Arcoverde levará para a Conferência Estadual de Cultura apenas 3 Delegados.

Gustavo Azevedo será o Delegado representante do Poder Público e, em nome da sociedade civil, foram eleitos por aclamação Djaelton Quirino (ator) e Kleber Araújo (Diretor do COCAR). Na suplência foram escolhidos a educadora Irailda Leandro e o ator Ênio Felipe.


Nenhum comentário:

Postar um comentário