quarta-feira, 19 de outubro de 2011

SERTÂNIA CONTINUA COM AS HOMENAGENS AO POETA WALDEMAR CORDEIRO



A comunidade sertaniense elegou  2011 o Ano Waldemar Cordeiro, numa justa homenagem a um de seus filhos ilustres, pela passagem do centenário do seu nascimento. Foi aprovada, por esse motivo, lei municipal que institui o Ano Municipal Waldemar de Sousa Cordeiro.


Waldemar de Sousa Cordeiro, nascido em 20 de outubro de 1911 e falecido em 30 de outubro de 1992, é considerado um dos mestres da poesia do sertão do Moxotó, sendo autor da letra do hino de Sertânia e juntamente com Abílio Monteiro e Ubirajara Chaves, foi um dos fundadores, diretor e professor de Língua Portuguesa, Literatura, Latim e Canto Orfeônico do Ginásio Olavo Bilac, hoje Escola de Referência em Ensino Médio Olavo Bilac. Foi ainda diretor e Secretario Geral do Município de Sertânia, tendo respondido pela prefeitura interinamente algumas vezes. Foi sócio fundador e presidente do América Esporte, do qual redigiu o Estatuto Social.


Mestre Dema, como era carinhosamente conhecido, foi também em parceiro com o genial Francisco Dias Araujo (Maestro Francisquinho), em frevos, sambas, boleros, tangos e valsas. Waldemar Cordeiro ainda foi músico saxofonista, teve atuação no meio teatral de Sertânia. Na literatura destacaram-se as obras: Ondas Revoltas (1941), Salão de Sombras (1992).


O Poeta foi membro da União Brasileira de escritores (UBE – Secção Pernambuco) e se destacam em suas obras: Monólogo de um Carro de Boi, Rosa Maria; Só pra os Olhos; Nova Terra; O Pântano; Seios; Nova Terra; Seios; Minha Palestina; Cadernos de Infância, onde sua poética de característica simbolistas dialoga com a poesia popular e revela influências modernas e o “Livro de Siboney”, cuja musa, de acordo com Alberto Cunha Melo, “esta incorporada à mitologia poética do Nordeste”. Eis Dema do Moxotó, um orgulho de Sertânia.

Muitos têm sido os eventos dedicados ao poeta, inclusive houve um momento na Bienal do Livro de Pernambuco em que uma mesa redonda tratou da obra de Waldemar Cordeiro. 

Essa semana a SAPECAS - Sociedade dos Poetas, Compositoes, Escritores e Artistas de Sertânia realiza, em parceria com a Rádio Sertânia FM, a Semana Waldemar Cordeiro, composta de recitais, depoimentos, exibição de vídeos, missa e apresentações musicias. A programação completa pode ser conferida no blog do Poeta Josessandro Andrade (http://poetasandro.blogspot.com/), cujo e-mail para contato é josessandro.sertania@hotmail.com.

O COCAR parabeniza os irmãos sertanienses pela bravura com que defendem a sua história e sua cultura, o que nos serve sempre de paradgma para as nossas ações.

2 comentários:

  1. Conheci o poeta Seu Waldemar do cartório, amigo e compadre do meu Pai. Grande amigo.

    ResponderExcluir
  2. Foi o meu Professor de Lingua Portuguesa.

    Melhor Mestre que ja conheci.

    ResponderExcluir